Alfazema



        " (...) Também sou insegura, meto a lupa nos defeitos, tenho a fúria do espelho, muitas dúvidas no peito. Ás vezes não me valorizo, não grito quando é preciso.(...) A beleza não se finge é aquilo que tu emanas mana como, uma esfinge fica sólida a uma deusa humana. (...)
Vestem-nos de cor de rosa para enfeitar um mundo que é cinzento. Querem-nos vistosas mas cagam em como estás por dentro. (...) Tens de ser loira, boa, magra, sensual e com Q.I(...) Carta fora de baralho mas serei dama de copas, serei rainha (...) Eu cheiro a alfazema, eu sou poema, eu sou aquela que querias ao teu lado no cinema.."


Capicua 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

.